À MESA COM A MARINHA

A alimentação no mar assume na prática uma importância que em muito excede a nutrição. Como refere o autor, Paulo Santos … a preocupação com os espaços da mesa e do convívio a bordo têm sido alvo de atenção permanente desde sempre. Longas estadias no mar, isolamento e confinamento aos exíguos espaços do navio conferem à alimentação e à mesa um papel muito significativo e muito particular. No mar ninguém se pode isolar.

Neste segundo volume da obra “À MESA COM A MARINHA”, de Paulo Santos, membro da Direcção da Academia de Marinha, conclui o seu relato das tradições da mesa na Marinha de Guerra Portuguesa, centrando-se na formação e serviço dos homens e mulheres da classe da “taifa”, copeiros, cozinheiros e padeiros. Com uma sugestiva capa, é uma obra com 149 páginas, profusamente ilustrada, compreendendo quatro capítulos de cariz histórico-descritivo, e diversos anexos. Assume especial interesse, pela sua especificidade, a informação e imagética sobre a palamenta de bordo da Marinha, utilizada desde 1910 até aos dias de hoje. Ao longo do texto, redigido de forma escorreita e acessível, o leitor pode ainda encontrar algumas receitas de culinária tradicionais da Marinha, típicas de diversos navios.

É, pois, uma obra de grande interesse para todos os apaixonados pela Marinha e pelas suas actividades, e que procuram conhecer em detalhe como é a vida de todos os dias a bordo dos navios da nossa Armada.

A Confraria Marítima de Portugal, felicita vivamente o autor, o Dr. Paulo Judá Santos,  agradecendo o seu  interesse pelas tradições, usos e costumes da  Corporação da Armada, onde nós próprios servimos com orgulho por cerca de 43 anos.

O livro tem um preço de capa de 27 € e está à venda na Livraria Ferin, na loja do Museu de Marinha e no Clube Militar Naval. Caso tenha interesse na sua aquisição, sugere-se que contacte o autor através do e-mail: paulojusantos@gmail.com  e  tlm: 91 228 7440.

A.F.

Post a Comment